Drogaria Santa Marta Entra com Pedido de RJ

Drogaria Santa Marta Entra com Pedido de RJ

A Rede Drogaria Santa Marta entrou com pedido de recuperação judicial, anunciou o fechamento de 18 unidades e demissão de 350 funcionários.

A cinquentenária Rede Drogaria Santa Marta entrou com mais um pedido de recuperação judicial nesta semana, anunciou o fechamento de 18 unidades e demissão de 350 funcionários.

A Drogaria Santa Marta vem registrando resultados negativos desde a época de maior pico da pandemia de Covid-19.

Santa Marta anuncia 350 demissões

As primeiras demissões dos funcionários aconteceram no dia 1º de março e o plano é demitir em torno de 350 trabalhadores.

Santa Marta anuncia fechamento de 18 unidades

Agravada a situação a Santa Marta, decidiu fechar 18 unidades em Goiânia e no Distrito Federal.

Apesar disso, a Drogaria alega que os demais postos de trabalho devem ser mantidos e que outros 45 estabelecimentos seguem funcionando normalmente.

Vale lembrar que, em 2010, a rede de farmácias entrou com um primeiro pedido de recuperação judicial, obtendo êxito depois de 4 anos.

Drogasil paga R$ 42 milhões por 26 lojas da Santa Marta em 2012

Com aquisição, a Drogasil passou a ser a maior rede de farmácias em operação no Estado de Goiás, com 59 lojas. Esse posto era ocupado até então pela rede Santa Marta, que já chegou a operar com 80 lojas em Goiás, e cuja liderança era sustentada nos últimos anos com 60 unidades em atividade.

O novo pedido de Recuperação Judicial (RJ) parece ser um movimento similar ao da Oi.

O processo de recuperação judicial da Santa Marta Distribuidora de Drogas Ltda foi protocolado no fórum da comarca de Aparecida de Goiânia, na Região Metropolitana da capital, cidade onde fica a sede administrativa da empresa.

Situação da Rede Drogaria Santa Marta em 2023

Em nota divulgada, a rede Santa Marta alega um déficit no capital de giro e constantes cortes na concessão de créditos pelos fornecedores.

Esses cortes estariam ligados a pedidos de recuperação judicial e de fechamento de outras redes de farmácias pelo país.

A empresa justificou que a crise se deu após a pandemia, que gerou “grandes desafios” aos varejistas no Brasil e disse ainda que buscou “incessantemente soluções para contornarmos o déficit de capital de giro e os constantes cortes de créditos junto a fornecedores estratégicos”, mas que “a única saída plausível” foi entrar com o pedido de recuperação judicial.

Aparentemente os efeitos da pandemia de Covid-19 ainda têm causado problemas financeiros no mercado farmacêutico brasileiro, sobretudo no aumento da inflação e na alta da taxa de juros.

A crise financeira fez com que muitas lojas da Drogaria Santa Marta ficassem desabastecidas e as receitas da companhia fossem fortemente impactadas.

De acordo com as informações da rede de drogarias, houve uma redução de cerca de 30% na receita.

Lojas da Drogaria Santa Marta Ficam Desabastecidas

A rede Santa Marta ainda declara que, dentro de um prazo de 90 dias, a situação deve ser melhorada com a conclusão da reestruturação iniciada pela empresa, o que aparenta ser um movimento similar ao das Lojas Americanas.

O Sindicato dos Farmacêuticos de Goiás (Sinfargo) disse que quase 30 farmacêuticos demitidos da Santa Marta no começo deste mês não receberam o pagamento das verbas rescisórias.

A entidade informou que tem recebido diversas denúncias de irregularidades trabalhistas desde o ano passado, porém, nos últimos dias a empresa iniciou uma demissão em massa e “se recusou” a pagar rescisões de quase 300 funcionários.

A drogaria Santa Marta disse que os direitos trabalhistas dos ex-funcionários estão assegurados e que nenhum ex-colaborador deixará de receber seus direitos trabalhistas.

Nota

Todos os colaboradores desligados da empresa estão com os salários pagos em dia. Porém, infelizmente, as verbas rescisórias ainda não foram quitadas. Estes valores estão inseridos no processo de recuperação judicial, que prioriza o pagamento de verbas trabalhistas e deverá acontecer em um prazo máximo de 180 dias, após o protocolo do pedido”

A rede de drogarias disse ainda que já pediu aos sindicatos a homologação das rescisões trabalhistas para todos receberem o saldo de FGTS depositados em suas respectivas contas e poderem também dar entrada no seguro desemprego com maior celeridade.

Salários da Drogaria Santa Marta

Funcionários da empresa Drogaria Santa Marta compartilharam seus salários no Glassdoor. Interessado? Veja Aqui!

A rede de drogarias Santa Marta é uma das maiores redes de farmácias do Brasil, oferece uma ampla variedade de produtos, desde medicamentos até itens de higiene pessoal, beleza e bem-estar.

Em 2021, segundo ranking da Sociedade Brasileira de Varejo e Consumo (SBVC), a Santa Marta figurava na lista das 250 maiores varejistas do país e a 18ª maior empresa do varejo farmacêutico nacional. Fundada em 1973, a rede faturava neste período em torno de R$ 514 milhões, com mais de 1,6 mil funcionários e colaboradores.

A drogaria Santa Marta também conta com serviços de entrega, atendimento farmacêutico e programas de fidelidade para seus clientes.

Cadeia de Suprimentos e Centro de Distribuição – Estudo FANAP

Caso haja interesse em conhecer melhor o histórico da Drogaria Santa Marta, a Cadeia de Suprimentos e o Centro de Distribuição é só acessar um Estudo Acadêmico desenvolvido na FANAP

No Reclame Aqui, possui uma reputação: BOM 7.9/10 para o período de 01/09/2022 – 28/02/2023 e Reclamações respondidas: 100% – Voltariam a fazer negócio: 75.8% – Índice de solução: 75.8% – Nota do consumidor: 7.15.

Tanto o pequeno negócio de farmácia do artigo anterior, quanto uma das maiores redes como a Drogaria Santa Marta, que conta com sistema de Franquia, convênios, programa de descontos, cashback, ecommerce e grande centro de distribuição e logística, enfrentam o mesmo problema: varejo.

QUER TURBINAR SEU NEGÓCIO?

Deixe nome e e-mail e receba mais conteúdo!

➥ Seus dados estão protegidos conosco

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

 

Carrinho de compras
Rolar para cima